♂Saúde ♀ diversas categorias - dicas♀

♂Saúde ♀ diversas categorias - dicas♀

Pesquisar

Mostrando postagens com marcador pressão alta. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador pressão alta. Mostrar todas as postagens

07/09/2017

 › Sintomas de pressão alta


Dor de cabeça e na nuca



Os sintomas de pressão alta como tontura, visão embaçadador de cabeça dor na nuca geralmente surgem quando a pressão está muito altamas o indivíduo também pode apresentar pressão alta sem apresentar nenhum sintoma.

Por isso, se desconfiar que a pressão está alta, o que se deve fazer é medir a pressão em casa ou na farmácia

Para medir a pressão corretamente 

é importante 
descansar sentado 
5 minutos                 
antes de colocar o   
aparelho para medir 
Saiba outros passos importantes em: Como medir a pressão.




Sintomas que podem indicar que a pressão está alta

Os sintomas que podem indicar que a pressão está muito alta podem ser:


  1. Enjoo;
  2. Dor de cabeça;
  3. Dor na nuca;
  4. Sonolência;
  5. Zumbido no ouvido;
  6. Pequenos pontos de sangue nos olhos;
  7. Visão dupla;
  8. Dificuldade para respirar;
  9. Palpitações cardíacas.




Estes sintomas de pressão alta geralmente, surgem quando a pressão está muito alta e, neste caso, o que se deve fazer é ir ao pronto-socorro imediatamente ou tomar o remédio receitado pelo cardiologista, imediatamente.

Apesar da pressão alta ser uma doença silenciosa, ela pode provocar problemas de saúde graves, como insuficiência cardíaca, AVC ou perda de visão e, por isso, é indicado verificar a pressão arterial pelo menos 1 vez por ano. Confira outros parâmetros que podem indicar quando ir ao médico: Como saber se estou bem de saúde.

O que fazer numa crise de pressão alta

Quando a pressão sobe repentinamente, e surgem sintomas como e dor de cabeça especialmente na nuca, sonolência, dificuldade para respirar e visão dupla é importante tomar os remédios receitados pelo médico e repousar, tentando relaxar. Porém, caso a pressão alta se mantenha superior a 140/90 mmHg após uma hora, é indicado ir ao hospital para tomar anti-hipertensores na veia.

Para baixar a pressão que alta que não gera sintomas:

Tomar um copo de suco de laranja feito na hora e tentar se acalmar. Após 1 hora, deve-se medir a pressão novamente e se ela ainda estiver alta, deve-se ir ao hospital.
Para baixar a pressão alta em caso de emergência:


Tomar os remédios receitados pelo médico e repousartentando relaxarPorém, caso a pressão alta se mantenha superior a140/90 mmHg após uma horaé indicado ir ao hospital para tomar anti-hipertensores na veia.



Veja alguns exemplos de tratamentos caseiros que ajudam a controlar a pressão em: Remédio caseiro para pressão alta.
  
Imagem ilustrativa do vídeo: 
Imagem ilustrativa do vídeo: O que comer para conseguir baixar a PRESSÃO ALTA


O que comer para conseguir baixar a PRESSÃO ALTA
Sintomas de pressão alta na gravidez
Os sintomas de pressão alta na gravidez também podem incluir fortes dores abdominais e pernas e pés muito inchados, principalmente no final da gestação. Neste caso, deve-se consultar o obstetra o mais rápido possível para iniciar o tratamento adequado e prevenir complicações graves, como eclâmpsia, que pode prejudicar o bebê.
Veja quais são os riscos e o que fazer em caso de Pressão alta na gravidez.


Veja quais são os riscos e o que fazer em caso de Pressão alta na gravidez.
Veja como adequar a alimentação para pressão alta:
fonte: tuasaude.

INFORMAÇÃO DO AUTOR
Drª. Ana Luiza Lima
Drª. Ana Luiza Lima
CARDIOLOGISTA
Formada pela Universidade Federal de Pernambuco com registro profissional no CRM/PE – 16886. 


Drª. Ana Luiza Lima
Cardiologista






fonte: tuasaude.


comente aqui

||| Escrever aqui ||| UA-90649529-1


10/02/2017





A melancia é rica em água e boa para os rins.

Você já sabia disso, não é?

Mas existe um segredinho sobre a melancia que vamos revelar agora para você.

Mas antes vamos falar um pouco das propriedades desta maravilhosa fruta.

Refrescante e docinha, a melancia é uma excelente fonte de vitamina C, A, B6, magnésio e potássio.

Além disso, a melancia é rica em licopeno.

Muitas pesquisas já constataram que o licopeno é um varredor de radicais livres, prevenindo várias doenças, inclusive o câncer.

O suco da polpa da melancia  ajuda a elimina o ácido úrico do organismo, pois faz com que os filtros renais funcionem melhor.

Outro fator que faz com que a melancia reduza o ácido úrico no sangue é o fato de conter quantidades elevadas de potássio.


O potássio alcaliniza o sangue e previne a formação de ácido úrico.

A melancia é composta em sua grande maioria de água (90%) e possui apenas 31 calorias.

Devido à alta quantidade de água, a melancia ajuda a desintoxicar os rins e a bexiga.


Um estudo da Universidade da Flórida, nos Estados Unidos, provou que comer uma fatia de melancia durante seis semanas consecutivas ajuda a normalizar a pressão arterial.

E você sabia que a melancia funciona como um energético natural?

Isso graças à vitamina B6, que é responsável pela síntese de dopamina, hormônio responsável por mais disposição.

A melancia tem um índice glicêmico elevado, mas uma carga glicêmica baixa.

Traduzindo: a glicose proveniente da melancia é absorvida rapidamente, mas o total de glicose é baixo.

Isso significa que, numa dose moderada, a melancia não aumenta a glicemia.


E agora chegou a hora de revelar o segredo deste suco especial para desintoxicar os rins, a bexiga e eliminar o ácido úrico.

As sementes de melancia

A maioria das pessoas joga as sementes fora.

Mas elas são muito poderosas.

As sementes de melancia contêm cucurbocitrin, uma substância que ajuda no alargamento dos capilares sanguíneos.

E essa substância, além de ajudar na redução dos níveis de pressão arterial, trata doenças renais e elimina mais rapidamente o ácido úrico do organismo, fazendo com que os filtros dos rins funcionem melhor.

As sementes também são fontes riquíssimas de vitaminas e minerais.

Portanto, a partir de agora, não jogue as sementes de melancia fora.

E como se faz o suco de melancia usando as sementes?

Bata no liquidificador 
2 xícaras com pedaços de polpa de melancia m
ais 
1 colher (sopa) de sementes e 
meio copo de água de coco ou água mineral ou filtrada.

Coe e tome em seguida.


A dose recomendada são três vezes por dia.

"Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico."


fonte:  curapelanatureza 

08/08/2011

Mudanças de hábito contra colesterol



"Emboraa palavra colesterol ...

..."tenha adquirido um sentido pejorativo, 

ele é um tipo de gordura indispensável 

para o funcionamento do nosso metabolismo e está presente em todas as células do corpo. "

O problema é que existem 
dois tipos de colesterol:

o HDL

chamado comumente de bom colesterol, 


e o LDL

o colesterol ruim

Em excesso, este último (LDL)

pode gerar diversas complicações para a saúde 

cardiovascular, 

podendo até levar à morte.

Para evitar esses problemas, o Minha Vida reuniu sete dicas de hábitos que ajudam a prevenir ou - para aqueles que já receberam o diagnóstico - controlar a doença.

"Confira"

Sete mudanças de hábito que contribuem para baixar o colesterol




Peixe - Foto Getty Images


Trocar a carne por peixe

Para alguns, a associação entre peixes e ácidos graxos ômega 3 é imediata

Mas será que você sabe por que eles são tão bem-vindos na dieta

Um dos motivos é o fato de eles serem uma gordura boa, do tipo insaturada, que reduz, portanto, os níveis de colesterol e triglicérides do sangue.

Além disso, como completa o cardiologista, eles ainda evitam a formação de coágulos que podem obstruir vasos, podendo causar um infarto. Ácidos graxos ômega 3 estão presentes em peixes, como salmão, truta e atum, e em outros alimentos, como linhaça, nozes, rúcula e milho.



Exercícios - Foto Getty Images


Praticar exercícios

 
"Praticar exercícios físicos regularmente é uma maneira eficaz de aumentar a queima de gordura corporal, reduzindo o mau colesterol (HDL)", aponta Daniel Magnoni. Treinos frequentes também atuam na perda de peso e no controle do diabetes e da pressão alta, problemas que muitas vezes acompanham quem está com colesterol alto. Resumindo: você melhora a sua saúde e, de quebra, ainda entra em forma.

Fibras - Foto Getty Images


Consumir mais fibras

 
Fibras não podem ficar de fora do cardápio de quem tem colesterol. Primeiro porque elas diminuem a absorção de gorduras pelo organismo, reduzindo o nível de LDL. "O outro motivo é o fato de elas aumentarem a excreção de colesterol na forma de bile", esclarece o especialista.

Assim, prefira alimentos integrais e consuma frutas com a casca, sempre que possível. Outro conselho é preferir a fruta em seu estado natural, pois, quando aquecida, ela perde parte de suas fibras.

Cigarro - Foto Getty Images

Largar o cigarro
 
Fumantes naturalmente têm mais chances de ter problemas cardiovasculares do que os não adeptos ao tabagismo. No caso de quem tem colesterol alto, entretanto, o cigarro ainda age acelerando o aparecimento da arterioesclerose, acúmulo de substâncias gordurosas no interior das artérias. Ou seja, os riscos de entupimento de um vaso ficam ainda maiores, aumentando a probabilidade de má circulação e até de um infarto.


Aveia - Foto Getty Images

Adicionar aveia às refeições
 
Embora a ingestão de fibras, em geral, seja benéfica para combater e controlar o colesterol, a aveia desempenha um papel de destaque na luta contra essa doença. Isso porque ela promove a sensação de saciedade por mais tempo, melhora a circulação, controla a quantidade de açúcar do sangue e ainda diminui a absorção de gordura pelo corpo, explica o cardiologista.

Tudo isso ocorre graças a uma fibra chamada beta glucana, presente nesse alimento. Melhor ainda é saber que a aveia pode ser adicionada a diversas refeições que incluem frutas, massas e até saladas, realçando seu sabor.



Soja - Foto Getty Images


Escolher alimentos à base de soja
 
Os alimentos à base de soja podem não ter o mesmo sabor da carne original ou do leite, mas a verdade é que, se bem preparados, eles podem ser tão gostosos quanto quaisquer outros. E mais: eles não só combatem o colesterol ruim como ainda aumentam o colesterol bom, conta Daniel Magnoni.

A soja também ajuda a controlar problemas hormonais em mulheres na menopausa e ainda criam uma barreira no organismo contra infecções. Use a criatividade e prepare refeições ricas nesse alimento.



Azeite de oliva - Foto Getty Images



Optar pelo azeite de oliva   
 
Embora seja calórico, com recomendação diária máxima estipulada em duas colheres de sopa, o azeite de oliva não só ajuda a diminuir o mau colesterol (LDL) como ainda aumenta o bom colesterol (HDL), explica o cardiologista e nutrólogo Daniel Magnoni, do Hospital do Coração (Hcor), de São Paulo. Isso ocorre graças aos antioxidantes, como as gorduras monoinsaturadas e a vitamina E presentes no alimento.

Mas, apesar de fornecer esses e outros benefícios, como a capacidade de controlar o diabetes diabetes tipo 2, o azeite não deve ser a primeira opção na hora de preparar alimentos fritos. Neste caso, o mais recomendado é usar o óleo de soja, uma vez que ele mostra mais resistência à formação de compostos tóxicos quando aquecido.







 

 


fonte:
msn.minhavida.

Postagem em destaque

clinicafisiocare, clínica, fisiocare, saúde, dicas, pilates,

| + Atendimento individual personalizado + Equipe de profissionais qualificados + Atendimentos com hora marc...

Seguidores


buscas populares …apareça nas buscas… cadastre seu web site aqui…/buscas populares…alô negócios !!!…
|| Пост!Featured on Hometalk.com