♂Saúde ♀ diversas categorias - dicas♀

♂Saúde ♀ diversas categorias - dicas♀

Pesquisar

Mostrando postagens com marcador internacional. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador internacional. Mostrar todas as postagens

09/08/2014

Equilíbrio / MEDICINA & SAÚDE
07.08.2014 | 08h00 - Atualizado em 06.08.2014 | 16h41
Tamanho do texto A- A+

"Uma aspirina por dia pode prevenir câncer, diz estudo"

"O coordenador do novo estudo diz tomar um comprimido diário há 4 anos"

Divulgação

DO BBC BRASIL
"A ingestão de uma aspirina por dia pode reduzir as chances de se desenvolver certos tipos de câncer, como de intestino e estômago, segundo um estudo britânico."

"Os pesquisadores dizem que se cada cidadão britânico com mais de 50 anos tomasse um comprimido diariamente durante 10 anos, 122 mil mortes poderiam ser evitadas."

"Cientistas da universidade Queen Mary, de Londres, analisaram cerca de 200 estudos sobre prós e contras da aspirina para a pesquisa, publicada pela revista médica Annals of Oncology."
"No entanto, o estudo alerta que o remédio também pode provocar sangramento interno."

"Os casos de  
câncer de 
intestino, 
estômago e 
esôfago 
chegam a ser reduzidos entre 
30% e 40% pelo uso diário da aspirina."

Também foram encontrados indícios de que a droga pode também diminuir os riscos provocadas por câncer de mama, de próstata e de pulmão.

"O estudo descobriu que pacientes precisam tomar o remédio por pelo menos cinco anos para obter algum benefício."

"(Tomar uma aspirina por dia) parece ser a coisa mais importante a ser feita para prevenir câncer, atrás apenas de parar de fumar e reduzir a obesidade. E provavelmente seria muito mais fácil de se implementar"

Jack Cuzick, da universidade Queen Mary, coordenador da pesquisa
O coordenador da pesquisa, Jack Cuzick, da universidade Queen Mary, aconselha maiores de 50 anos a tomarem uma pequena dose (75mg) de aspirina por dia por uma década.

Para cada mil pessoas com mais de 60 anos que ingerirem a droga durante 10 anos, os resultados uma década depois seriam:

16 mortes a menos por câncer
uma morte a menos por ataque cardíaco
duas mortes a mais por sangramento interno

Efeitos colaterais

O próprio professor Cuzick vem tomando aspirina diariamente, e afirmou que os efeitos colaterais não podem ser ignorados.
 
Aspirina

Os pesquisadores alertam para os efeitos colaterais, principalmente sangramentos causados pela droga
"Ainda assim, parece ser a coisa mais importante a ser feita para prevenir câncer, atrás apenas de parar de fumar e reduzir a obesidade. E provavelmente seria muito mais fácil de se implementar."

Os benefícios inclusive parecem continuar mesmo depois de as pessoas terem parado de tomar aspirina, embora não se saiba ao certo por quanto tempo.

Como o risco de sangramento interno cresce de acordo com a idade do paciente, os médicos sugerem que não se tome a droga por mais de 10 anos.

Além disso, também existem dúvidas acerca dos benefícios de doses maiores.

Entre os efeitos colaterais conhecidos, estão sangramentos no estômago e no cérebro.

O estudo constatou que 122 mil vidas poderiam ser salvas na Grã-Bretanha se todas as pessoas entre 50 e 64 anos tomassem uma aspirina diariamente. No entanto, estima-se que outras 18 mil morreriam por efeitos colaterais.

Entre os pacientes mais pré-dispostos a sangramentos estão aqueles que tomam medicação anticoagulante, fumantes e consumidores frequentes de álcool.

Uma representante da organização não-governamental Cancer Research UK, Julie Sharp, alertou contra a recomendação prematura da aspirina.

"Antes que ela possa ser recomendada na prevenção do câncer, algumas questões importantes precisam ser respondidas e novos testes precisam ser desenvolvidos para descobrir que pacientes têm mais chances de sofrer efeitos colaterais", afirmou Sharp à BBC.


fonte:
midianews

 

comente aqui  

 

02/08/2011

8 frutas típicas do Brasil que fazem sucesso pelo mundo

Além de exóticas, elas têm grande valor nutricional e esbanjam sabor



por Natalia do Vale 
 
Elas ficaram tão famosas e requisitadas pelo mundo que hoje não é difícil encontrar alguém comendo açaí ou mangaba pelas ruas do Japão ou em algum país europeu.

As frutas típicas do Brasil são conhecidas por seu sabor exótico e pelas inúmeras combinações que permitem preparar pratos variados e gostosos.

Além destas qualidades, as frutas apresentam valores nutricionais importantes e devem ser incluídas com frequência no cardápio. "Além de saborosas, elas previnem doenças, se adequam a dieta e enchem o prato de energia", explica a nutricionista do Dieta e Saúde, Roberta Stella.

"A seguir, conheça as vantagens de consumir oito frutas da biodiversidade brasileira"


caju
O caju é rico em carboidratos, fibras, minerais (como cálcio, fósforo e ferro), vitamina C e complexo B. Para se ter uma ideia, ele tem três vezes mais vitamina C do que a laranja. Enquanto 100 ml de suco desta última contém 60 mg dessa vitamina, a mesma quantidade de suco de caju concentra de 200 a 250 mg e oferece cerca de 47 calorias. "Além do sabor pra lá de agradável, o caju apresenta oxidantes importantes para a saúde e tem pouca gordura. Pode ser consumido em saldas, doces e sucos", explica Roberta Stella.




açai- Foto Portal da Amazônia

Apesar do alto teor de gordura do açaí, trata-se em grande parte de gorduras monoinsaturadas (60%) e poli-insaturadas (13%). Estas gorduras são benéficas e auxiliam na redução do colesterol ruim (LDL) e melhoram o HDL, contribuindo na prevenção de doenças cardiovasculares, como o infarto. Cada 100g do fruto tem 262 calorias. "O açaí tem gorduras que fazem bem para a saúde e por isso deve ser incluído no cardápio, porém, o ideal é consumi-lo sem adição de complementos muito calóricos, isso ajuda a manter a dieta", sugere Robert Stella. Gorduras: 52%, Fibras: 25%, Proteínas: 10%.


cupuaçu - Fotos Portal da Amazônia
O cupuaçu contém vitaminas, minerais e pectina, uma fibra solúvel que ajuda a manter bons níveis de colesterol. Além disso, sua polpa pode ser utilizada na preparação de sucos, sorvetes, vinhos, licores ou doces. As sementes podem substituir as do cacau na fabricação do chocolate e seu valor calórico é baixo. Cada 100 gramas da fruta tem 72 calorias. Carboidratos: 9,8 g, Proteínas: 1,2 g, Gorduras Totais: 1,1 g, Gorduras Saturadas: 0,0 g, Gorduras Trans: 0,0 g.


castanha
A castanheira do Pará é uma das mais importantes árvores amazônicas. Seu fruto é muito rico em gorduras e proteínas. Além disso, tem dois nutrientes especiais: o selênio e a vitamina E, antioxidantes que bloqueiam os radicais livres, que destroem as células e com o tempo são responsáveis pelo aparecimento de doenças cardiovasculares e câncer. O consumo de uma castanha-do-pará por dia é capaz de suprir a necessidade diária de selênio, mineral que reforça o sistema imunológico. Cada 100 gramas leva 400 calorias. Proteínas: 14g, Gorduras: 66g, Carboidratos: 13g, Gordura saturada: 16g, Gorduras Polinsaturadas: 21g, Gorduras Monoinsaturadas: 23g.


jaboticaba
Fruta com elevado valor nutritivo, a jabuticaba é riquíssima em vitaminas do Complexo B, principalmente B2 e niacina, aparecendo em menor quantidade a vitamina C e, ainda, sais minerais (ferro, cálcio e fósforo). As vitaminas do Complexo B tem como principais funções evitar problemas de pele, reumatismo, são essenciais ao crescimento e evitam a queda dos cabelos. Cada 100 gramas da fruta têm cerca de 40 calorias.


 carambola
A carambola é fonte de vitaminas A e C. Fornece ainda sais minerais como cálcio, ferro e fósforo. Tem sabor agridoce e sua cor varia do verde ao amarelo, dependendo do seu grau de maturação. A polpa é propícia para sucos e geleias. 100 gramas de carambola fornecem 29 calorias. "Além de saborosa e leve, a fruta apresenta função diurética ajudando no combate a retenção de líquidos", explica a nutricionista. 



Sorvete de mangaba
Em dias de calor, saborear o suco de mangaba é uma boa pedida, pois a fruta é refrescante e ameniza os efeitos da alta temperatura. Mas não é só o suco que possui admiradores. Os doces e as sobremesas também enchem a boca d?água daqueles que apreciam a mangaba.Cada 100 gramas da fruta possui cerca de 65 calorias. Informação nutricional por 100g de mangaba: Energia: 66,21 Kcal, Proteínas: 1,20 g, carboidratos: 10,2 g e fibras: 3,40 g.


graviola
Aproveitam-se as folhas, as flores, os brotos, os frutos verdes ou maduros da graviola. A polpa é branca, macia e fibrosa. Pode ser consumida in natura, mas é bastante apreciada em sucos, geleias e sorvetes. Cerca de 100 gramas de graviola fornecem em média 60 calorias, 25 mg de cálcio, 28 mg de fósforo e 26 mg de vitamina C.



fonte:
msn.minhavida

Postagem em destaque

Planos de saúde para idosos podem ficar impraticáveis, dizem especialistas

||| Planos de saúde para idosos podem ficar impraticáveis, dizem especialistas A proposta de  nova lei ...

Seguidores


buscas populares …apareça nas buscas… cadastre seu web site aqui…/buscas populares…alô negócios !!!…
|| Пост!Featured on Hometalk.com